Água de coco na Assembleia e porcelana para o TJ: são as #ComprasDaSemana

O destaque da nova edição das  #ComprasDaSemana — a sessão de editais e licitações curiosas, interessantes e às vezes pitorescas dos poderes públicos — são os R$ 88 mil previstos em cafeteiras industriais, xícaras e pires de porcelana, entre outros tantos itens de copa para o Tribunal de Justiça do Paraná.

Logo ali ao lado no Centro Cívico, a Assembleia Legislativa pretende gastar até R$ 110 mil na compra de sucos, refrigerantes (normais e light) e água de cocopara matar a sede de deputados e (quem sabe?) servidores.

Confira a seguir.

Licitação do TJ para compra de utensílios de copa pode chegar a R$ 88 mil – Está servido o café? Logo mais no Tribunal de Justiça, tudo estará preparado com equipamentos e utensílios de copa para uma boa bebida quente com direito a lanche. Isso se finalizar o edital Nº 05/2017 do TJ, que prevê a “aquisição de equipamentos e utensílios para uso das copas do Palácio da Justiça, Prédio Anexo e Salas de Lanches”. O certame é exclusivo para micro e pequenas empresas, e o preço máximo de R$ 88 mil, exatos 0,00004% do que pode chegar o orçamento do TJ, segundo a Loa deste ano, previsto em R$ 2,09 bilhões.

O que tem no dito edital? Que tal a previsão de compra de dez cafeteiras industriais com capacidade de 20 litros ao preço unitário de R$ 2,8 mil e R$ 28 mil o lote? Se for muito café por vez, tem de dez litros também. Vinte delas, que podem chegar ao preço de R$ 702 cada e R$ 14 mil o grupo.

Tem mais! Jogo de xícaras com pires de porcelana com decoração e filete prata ou dourado ao preço unitário de até R$ 18,75. O lote, com 180 unidades, pode chegar a R$ 3,3 mil. Bule em aço inox por R$ 277 a unidade e pouco menos de R$ 14 mil um lote com 50 bules.

Dividido em dois lotes, o edital especifica a compra de 12 itens diferentes e um total de 1.663 unidades deles. Os preços por produto variam de R$ 2,66 por uma colher de chá em aço inox alto brilho a até o preço da cafeteira de vinte litros. Confira o edital completo no site do TJ-PR

Assembleia pode gastar até R$ 110 mil em água de coco, refrigerantes e sucos – refrigerantes a base de cola e guaraná; sucos de abacaxi, caju, laranja, uva, maracujá e pêssego; água com e sem gás e litro de água de coco estão na lista do pregão presencial da Assembleia legislativa (Alep). A refrescância na casa de leis do Paraná pode custar até R$ 110 mil, segundo o edital da compra dos produtos, sob regime de registro de preços. Sem risco de não atender os diabéticos e não quem não está de “bem” com o açúcar, a compra dos sucos e refrigerantes também prevê a versão light dos produtos. O edital do pregão “para eventual fornecimento de água mineral, água de coco, refrigerantes e sucos” pode ser acessado no portal da transparência da Alep.

Kill them all”: edital da Sanepar prevê compra de jogo lúdico sobre combate ao Aedes – aprender se divertindo certamente é uma das formas pedagógicas mais eficaz. Melhor ainda se isso for para adquirir um conhecimento que afetará o próximo. No edital da Sanepar para compra de jogos, os temas estão ligados a questões ambientais e de saúde. Serão três tipos de jogos de tabuleiros, segundo a previsão do edital de pregão eletrônico 1081/2017, que estipula um preço máximo de R$ 43 mil. A indicação do edital foi publicado no Diário Oficial da Indústria da última quarta-feira (8).

Um dos temas será o combate ao “ Aedes aegypti, transmissor de Dengue, Chikungunya e Zika”. O objetivo do jogo é promover a reflexão sobre “ suas ações no dia a dia para combater o mosquito da dengue”. O lote prevê a compra de 25 unidades ao preço máximo de R$ 318 cada. O segundo jogo do edital é sobre o uso racional da água, e propõe a conscientização da necessidade do “controle de desperdícios, destacando as simples ações que as crianças podem adotar em casa, para promover o uso consciente dos recursos hídricos entre suas famílias”. Serão 50 unidades pelo teto de R$ 379.

A reciclagem de resíduos sólidos também é tema de um dos jogos, cuja abordagem deve contemplar informações sobre o ciclo da reciclagem desde o descarte até a etapa de reutilização, “conscientizando as crianças sobre a necessidade da separação correta do lixo e a importância da reciclagem para o homem e o meio ambiente”. De acordo com o edital, o lote será de 50 jogos ao custo de R$ 337,18 a unidade.

Confira as especificações dos jogos no edital no site da Sanepar, e já aproveite para comprar o seu para animar aquelas tardes monótonas de domingo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro + onze =