Adesivar gabinetes parlamentares e sinalização pode custar R$ 157 mil à Assembleia do Paraná

A troca de adesivos para as portas de vidro das recepções, a substituição de adesivos e placas das portas dos gabinetes dos parlamentares, a confecção de letras caixas e totens de identificação de andares e salas podem custar R$ 157 mil aos cofres da Assembleia Legislativa do Estado do Paraná (Alep). O extrato do contrato com o valor do lance vencedor da licitação consta no Diário Oficial da Alep publicado nesta quarta-feira (20).

A empresa contratada para “prestação de serviços de sinalização vertical – confecção e instalação”, conforme aponta o objeto da licitação, é a Planmetal Indústria e Comércio de Letreiro, de São José dos Pinhais. A proposta da empresa ficou pouco mais de R$ 2 mil abaixo do teto previsto no edital, de até R$ 159.354,37 pelo contrato.

De acordo com o edital, a justificativa para a contratação dos serviços de comunicação visual é “facilitar a identificação dos departamentos internos da Casa e para indicação dos mais diversos locais aos visitantes”. Assim, a Assembleia, no edital, alega que “os maiores beneficiados são os usuários que frequentam a Casa, que vêm para visitar um parlamentar, para conhecer a sede do Poder Legislativo ou para participar de uma audiência pública”.

Os custos previstos no edital que balizou a contratação da empresa pela Assembleia variam de lote de R$ 22 mil para adesivos de porta dos gabinetes, pouco mais de R$ 21 mil em adesivo tipo inox para elevadores e R$ 23 mil em substituição de placas. O edital pode ser baixado do portal de transparência da Alep clicando aqui, e o Diário Oficial com o extrato de contrato pode ser conferido clicando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − dezesseis =