Rede da Câmara dos Deputados é usada para bombar verbete de político na Wikipedia

Reprodução/Brasil WikiEdits
Captura de Tela 2016-06-21 às 16.28.39
Detalhe da edição, segundo o Brasil WikiEdits

O robô Brasil WikiEdits alertou, nesta terça-feira (21), que o verbete sobre o ex-deputado e ex-ministro do Tribunal de Contas da União Humberto Souto (PPS-MG) na Wikipedia foi alterado apartir da rede de informática da Câmara dos Deputados para que se incluísse a informação de que ele “é considerado o candidato amplamente favorito nas eleições de 2016 para prefeito de Montes Claros”.

Souto, que ocupou assento no TCU entre 1995 e 2004, por indicação do então presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), começou na política pela Arena, partido de situação da ditadura militar.

O verbete ainda informa que Souto tentou, sem sucesso, ser prefeito de Montes Claros – cidade de quase 400 mil habitantes localizada no norte de Minais Gerais, a 422 quilômetros de Belo Horizonte – em 2012. Ele também fracassou na tentativa de conseguir um mandato de deputado federal em 2014 – terminou primeiro suplente de uma coligação que inclui PDT e PV.

Serviços como o IP Location confirmam que o IP 200.219.132.104, de onde partiu a edição, pertence à rede de computadores da Câmara dos Deputados.

Assim, inquirimos a Câmara a respeito, via Lei de Acesso à Informação. Perguntamos se a casa tem condições de identificar o terminal de computador de que partiu a edição, bem como o usuário que a fez, e que providências a Câmara tomará a respeito. Assim que tivermos respostas, publicamos aqui.

Atualização (em 24/6): Procurado, o ex-deputado Humberto Souto disse o seguinte, via Facebook: “Não sou deputado na atual legislatura e não tenho conhecimento dos acontecimentos que você relata. Na data que você cita, 21 de junho corrente, eu estava em Montes Claros”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × 5 =