Curitiba registra 13 mil denúncias de agressões contra mulher em dez anos

A cada seis horas, a central de serviço de proteção contra violações de direitos, o Ligue 180, recebe uma ligação de Curitiba para denunciar situações de violência contra a mulher. A capital paranaense registrou mais de 13,3 mil casos desde 2009, segundo dados do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MDH). A cidade é responsável por 30% das 40 mil denúncias cadastradas no serviço do MDH no Paraná ao longo de dez anos.
Os mesmos dados no cenário brasileiro é mais desolador ainda. Desde 2009, o Ligue 180 recebeu quase um milhão de ligações para denunciar abusos e casos de violência contra as mulheres. É praticamente onze denúncias a cada hora. A cada cinco minutos, durante 24 horas ao dia e sete dias por semana, na média o disque denúncia recebeu uma ligação retratando algum tipo de abuso.

O Livre.jor encontrou os dados de registros de violência no site da Controladoria Geral da União (CGE) no banco de pedidos de informação. Apesar de não indicar os tipos de violências ou ainda o local ou o perfil do abusador, a lista fornecida pelo governo especifica a quantidade de casos por município. Colocamos esses dados no mapa, para dar a cara da violência no Brasil e no Paraná ao longo da década. Veja abaixo como ficou.

 


 
 


 
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + 5 =