Now Reading
Maio: quadruplica no Paraná a ocupação dos leitos pediátricos para Covid-19

Maio: quadruplica no Paraná a ocupação dos leitos pediátricos para Covid-19

No dia 30 de abril, apenas 7 leitos pediátricos exclusivos para crianças com Covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus, estavam ocupados no Paraná. Passado um mês, o número quadruplicou: eram 15 internados em UTIs e 14 em enfermarias – 29 no total. Com isso a taxa de ocupação das vagas em UTIs, que atendem os casos mais graves, pulou de 14% em abril para 41% em maio. Nas enfermarias, de 3% para 20%, apesar de constarem três novos leitos no boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde do governo do Paraná.

A situação é menos grave em relação aos leitos para pacientes adultos, que passou de 344 internados em abril para 543 em maio. A taxa de ocupação foi minorada com a ampliação das vagas (539 para 574 em UTIs; 1.063 para 1.100 em enfermarias), mas também subiu: de 29% para 44% nos casos graves e de 18% para 27% nos leitos em enfermarias.

A imagem a seguir compara a mesma tabela em dois boletins epidemiológicos diferentes, dos últimos dia de abril [link aqui] e de maio [link aqui]. Nele é possível analisar o avanço das internações por região do Paraná. Por exemplo, percebe-se que a região Norte segue sendo a mais pressionada: tinha 38% das 79 vagas em UTIs ocupadas há um mês, em maio eram 55% de 83.

See Also

Para acompanhar o avanço diário do novo coronavírus no Paraná, recomendamos a plataforma elaborada pelo projeto Brasil.io > https://brasil.io/covid19/PR/ É desta iniciativa que retiramos a imagem em destaque, com o avanço do Sars-CoV-2 pelos municípios do Paraná.

No final de maio, o Paraná contabilizava 4.687 casos e 182 óbitos confirmados. 1.418 amostras estavam pendentes de resultado laboratorial.