Paraná fica abaixo da média em índice de transparência pública da Controladoria Geral

O Paraná está na 16ª posição do ranking de transparência pública nos Estados. O índice integra o projeto Escala Brasil Transparente, da Controladoria Geral da União (CGU). Com nota 7,87 o Paraná fica abaixo da média nacional mensurada pelo projeto, de 7,94. O ranking foi divulgado nesta semana pelo órgão.

No topo da lista está Pernambuco, com nota 9,4, seguido do Estado do Rio Grande do Sul, com 9,29 pontos. Na outra ponta, amargam o fim da lista os estados do Acre, com 6,37, seguido da Bahia, com 6,03, e do Amapá, com 5,99 pontos.

Esta é a quarta avaliação realizada pelo órgão federal nos últimos anos. No entanto, na atual edição, a CGU ampliou a metodologia para “contemplar não só a transparência passiva, mas também a transparência ativa”’.

Com isso, além de analisar pedidos de informação e atuação de ouvidorias, a CGU também avaliou aspectos como publicação de receitas e despesas, contratos, estrutura administrativa, dentre outros elementos.

Pelos critérios de avaliação, o que puxou a nota do Paraná para baixo foi a transparência passiva. Dos 50 pontos possíveis, o Estado atingiu apenas 31. Já na transparência ativa, o Paraná quase chegou na pontuação máxima, com nota 47,70.

Deixar de atender a pedidos de informação e a falta de indicação sobre  como recursos aos pedidos negados foram alguns dos pontos que prejudicaram a avaliação do governo em relação à transparência passiva.

Já na transparência ativa, os pontos não atendidos pelo Paraná foram, dentre outros, o de fornecimento de base de dados dos municípios e um sistema não compatível com geração de relatórios em várias páginas do portal da transparência. Clique aqui e confira a avaliação no site da CGU.

Do topo da lista para o final – o resultado abaixo da média apresentado pelo governo estadual paranaense não é de agora. Na primeira edição da avaliação, o Paraná, em 2015, ocupava o terceiro lugar na Escala Brasil Transparente, com 9,7 pontos.

No ano seguinte, o estado apresentou queda de 0,41 na nota, o que fez o Paraná cair para a 9ª colocação. Em 2017, mais uma queda jogou o estado para o fim da lista, na 23ª colocação dentre os estados aferidos com 9,16 pontos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × um =