Passageiros registram 137 reclamações por mês sobre motoristas que “dirigem inadequadamente”

Maurilio Cheli/SMCS

A central 156 recebeu 412 reclamações nos últimos três meses sobre motoristas do transporte coletivo de Curitiba que dirigem de forma inadequada. Dessas reclamações, 108 indicam que desrespeito às regras de trânsito.  As barbeiragens dos motoristas são o principal motivo de reclamações dos passageiros à prefeitura de Curitiba

Entre fevereiro e maio de 2016, a atitude de motoristas e cobradores ensejou 2.462 manifestações formais de passageiros. Vale ressaltar que deste universo, 3,7% eram menções elogiosas ao trabalho desses profissionais.

O 156 ainda registrou reclamações referentes a falta de urbanidade de motoristas e cobradores no trato com os passageiros; apropriação indevida da receita e até denúncias de embriaguez dos operadores.


Multas

O Livre.jor mostrou que apesar de promoter rigor, a Urbs anistiou 71% das multas aplicadas em 2015 por “dirigir o veículo inadequadamente, desobedecendo a regras de circulação, conduta e sinalização de trânsito, de modo a proporcionar insegurança aos passageiros”.

Para entender mais sobre o transporte coletivo em Curitiba, acesse nossa série especial de reportagens sobre o tema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 5 =