PR: Casa civil do próximo governo terá 359 cargos comissionados e 54 funções gratificadas

Não deve ser por acaso que, nesta sexta-feira (28), o governo do Paraná publicou o decreto 12.676/2014, que reedita o regimento da Casa Civil da administração estadual – delimitando as áreas de atuação da pasta e o número de servidores que o gestor da área terá à disposição em 2015: 359 cargos comissionados, para pessoas sem concurso público de âmbito estadual, e 54 funções gratificadas, para abrigar servidores de carreira.

Um dos órgãos mais próximos do principal gestor público do Estado, a Casa Civil de Beto Richa (PSDB) passou por várias mudanças na primeira gestão do tucano, especialmente quando foi dividida entre Reinhold Stephanes (PSD) e Cezar Silvestri (PPS) – o primeiro dirigindo o navio, na companhia de 32 pessoas, e o segundo administrando os cargos políticos, que então chegavam a 477.

Infelizmente não consegui localizar o regimento anterior, para saber se antes desse “troca-troca” a pasta era maior ou menor, com menos ou mais atribuições. Se alguém souber o número do documento, favor passar, que nós comparamos.

De qualquer forma, publicado na edição 9.343 do Diário Oficial do Estado, o decreto´de hoje “passa a régua” na questão. Seja quem for o escolhido, terá pela frente um contingente razoável para fazer a gestão política do próximo governo. Portanto, o motivo deste registro, aqui em Livre.jor, é lembrar ao leitor o verdadeiro tamanho do Estado, e do que está em jogo na disputa de bastidores, segundo os documentos oficiais.

Para ler os diários, vá por aqui: https://www.documentos.dioe.pr.gov.br/dioe/localizar.do

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove + três =