Em janeiro deste ano, o Ministério Público do Paraná (MP-PR) arquivou o inquérito  0046.10.000990-4, que buscava analisar as acusações de fraudes e formação de cartel em licitações do transporte público curitibano. Sete meses depois, o mesmo MP-PR indica que a Operação Riquixá, que investiga organização especializada em fraudar licitações de ônibus, está para desembarcar em Curitiba. 

Na edição 9.534 do Diário Oficial do Estado, publicada nesta segunda-feira (14), há um despacho confirmando a assinatura de termo de cooperação entre a Secretaria de Estado da Educação (Seed) e o Ministério Público do Paraná (MP-PR), envolvendo ações do Departamento de Diversidade na área dos Direitos Humanos. Perguntamos ao Governo do Paraná do que trata…