E não é que o MP-PR vai investigar o curso de media training da Receita Estadual?

Talvez você lembre que há um mês Livre.jor pinçou dos diários oficiais do Governo do Paraná a notícia que a Coordenadoria da Receita Estadual gastaria R$ 34 mil num curso de media training – quer dizer, treinar alguém para conversar com jornalistas sem perder o rebolado. O contrato foi firmado no dia 13 de setembro, publicado na edição 9.785 do Diário Oficial de Comércio, Indústria e Serviços uma semana depois, pinça-mo-lo em 20 de outubro e a investigação foi aberta no dia seguinte, dia 21, pela promotora Cláudia Madalozo.

Ninguém provocou o Ministério Público do Paraná a tomar esta atitude, pois o órgão instaurou procedimento preparatório “de ofício” – traduzindo do “oficialês”, por vontade própria. Não quer dizer que há irregularidades no treinamento, mas que também o MP-PR achou curiosa a medida. Pois é, a gente idem. Adivinha como ficamos sabendo na investigação? Saiu uma nova lista de procedimentos ontem, na edição 9.817 do Diário Oficial do Estado. São mais de 1.200 novas apurações, sendo uns 600 inquéritos civis (“indícios fortes”) e uns 600 procedimentos preparatórios (“suspeitas leves”). Dessas, 346 focam suspeitas relacionadas a políticos, gestores e servidores públicos.

E o legal é que já tínhamos pedido detalhes da iniciativa à Receita Estadual, no pedido de informação 53252/2016. Curiosos? O curso de media training vai ser ministrado a “servidores da Secretaria de Estado da Fazenda, visando capacitar e melhorar a comunicação entre o Governo do Estado do Paraná e a sociedade, mais especificamente com a imprensa”. “É direcionado aos funcionários ocupantes de cargos de gerência da Secretaria da Fazenda e da Coordenação da Receita do Estado”, complementa a resposta. Deram até o nome dos inscritos (na imagem abaixo).

O que se aprende com media training? Na programação do curso estão lições sobre o que é notícia, como os jornalistas pensam (lead, prazos, objetividade etc.), como dar “offs” (dizer algo mediante a promessa de não se citado na reportagem como a fonte daqueles dados), sugerir pautas, falar diante de câmeras e gravadores. Vai ter até entrevistas simuladas. Deve cair como uma luva na Receita Estadual, depois da Operação Publicano, não? Aquela operação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do MP-PR que investiga corrupção justamente dentro deste órgão do Governo do Paraná.

Talvez vocês tenham que nos ajudar, por isso nós linkamos abaixo os documentos enviados pela Receita Estadual, a encontrar onde no contrato com o Banco Interamericano de Desenvolvimento recomenda-se o curso de media training. Onde, pessoal, onde diz isso?

161108 pp media training 2

Documentos do contrato com o BID:
CP Duvidas mais Comuns

Contratos de Empréstimo BR-L1237 – Parte 01
Contratos de Empréstimo BR-L1237 – Parte 02

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 − quatro =