Now Reading
Governo do Paraná gastou R$ 155 mil por dia em publicidade no primeiro semestre

Governo do Paraná gastou R$ 155 mil por dia em publicidade no primeiro semestre

Já pensou em gastar R$ 155 mil por dia em publicidade e propaganda? É isso que o governo paranaense fez na primeira metade deste ano. De janeiro a junho, a gestão de Ratinho Júnior (PSD) gastou R$ 28 milhões em publicidade institucional e legal para divulgar propaganda e atos do governo.

Segundo os dados oficiais do Governo do Paraná, enviados ao Livre.jor via Lei de Acesso Informação (LAI), no primeiro semestre deste ano foram R$ 22 milhões em propaganda institucional, para divulgar projetos e medidas do governo, e pouco mais de R$ 5 milhões para publicação de editais.

O valor gasto para divulgar a gestão e atos do governo representa uma redução de 55% em comparação ao registrado no mesmo período do ano passado. Entre janeiro e junho de 2018, a gestão Beto Richa (PSDB) / Cida Borghetti (PP) gastou R$ 63,7 milhões em propaganda e publicidade, como encartes de revistas e veiculação em televisão, e publicidade legal, como editais e relatórios públicos.

Dos pouco mais de R$ 22,6 milhões gastos em publicidade institucional desde janeiro deste ano a maior parte, quase R$ 10 milhões, ou seja, cerca de 45%, foi recurso usado pela Secretaria de Comunicação do governo, que gerencia a conta do governo com as agências de publicidade. A Copel é a segunda maior conta em publicidade, com uma fatia de cerca de 25% do total gasto neste primeiro semestre, o que representa um gasto de R$ 5,5 milhões. Na sequência, vem a Sanepar, que usou R$ 4,1 milhões em propaganda institucional, pouco mais de 18% do total usado pelo governo desde janeiro.

Na outra ponta, entre quem recebeu este valor, a Associação das Emissoras de Radiodifusão do Paraná (Aerp), entidade que agrega mais de 320 rádios do interior do estado, é quem abocanhou a maior parte da publicidade institucional, cerca de R$ 3,9 milhões. Em segundo lugar aparece a RPC, com aproximadamente R$ 1,7 milhão, a produtora SoftVídeo, com R$ 1,5 milhão, e a RIC, com pouco mais de R$ 1 milhão.

See Also

Já na conta da publicidade legal, que é a que banca os editais e publicação de relatórios dos departamentos públicos, as estatais Copel e Sanepar são as responsáveis por 26% dos R$ 5,5 milhões usados no primeiro semestre. As duas empresas gastaram juntas quase R$ 1,5 milhão em publicidade legal.

 

View Comment (1)
  • Na verdade os valores de quem mais lucra estão errados na matéria, a maior fatia de dinheiro está indo para a rpc grupo globo, pois vários dos veículos que aparecem com nomes diferentes na lista na verdade são de propriedade deste grupo empresarial, por exemplo a sociedade radio emissora paranaense RPC, a tv cataratas e a tv oeste, dentre outros veículos que aparecem na lista são todas da RPC na soma dos valores bate 4 milhões facinho

Leave a Reply

Your email address will not be published.

4 × 5 =

Scroll To Top