Uma semana após encerrado o prazo para o envio de respostas sobre a moção de repúdio ao espetáculo teatral “Pornô Gospel” aos 21 vereadores que a subscreveram ou aprovaram, recebemos nesta sexta-feira (17) a primeira, de Cristiano Santos (PV). “Seu e-mail estava [na caixa de] spam”, justificou o vereador,  sobre o atraso.

Nenhum dos 21 vereadores que assinaram ou aprovaram moção de repúdio contra o espetáculo teatral “Pornô Gospel” respondeu a e-mail enviado pelo Livre.jor em que pedimos manifestações sobre o assunto. As mensagens, individuais, foram disparadas na terça passada (7) e pediam resposta até a sexta (10), deixando claro que elas seriam publicadas em nosso portal.

Uns poucos dias após ser convidado a fazer parte do Livre.jor, uma ideia me veio à cabeça: usar a Lei de Acesso à Informação (LAI) para pedir o protocolo de intenções firmado, nos anos 1990, entre o governador Jaime Lerner (1995-2003) e a montadora francesa Renault. Parênteses: o documento, que viabilizou a instalação da montadora…

Daria para começar essa postagem [opção 1] pelo atraso de sete semanas na resposta ao pedido de informações feito pelo Livre.jor à Secretaria de Estado da Fazenda, no qual questionávamos aspectos básicos do Programa Paraná Competitivo. As perguntas foram enviadas no dia 2 de janeiro de 2015 e respondidas somente nesta sexta-feira (13), sete semanas…